Voltando aos vampiros

Aproveitando a onda vampiresca que ressurgiu por conta de True Blood, Blood Ties e agora a saga de Crepúsculo, resolvi fazer a minha listinha dos top 10 vampiros, de todos os tempos, sem ordem de preferência, acho eu.

 

Luna
Luna

1. Julian Luna (Mark Frankel), em Kindred: The Embraced –  Série baseada nos jogos de RPG Vampire, se passava em São Francisco, onde os clãs de vampiros brigavam pelo contole da cidade. Luna, do clã Ventrue, era o Príncipe da Cidade, e ao se apaixonar por uma jornalista que quer descobrir como ele controla toda a cidade, desperta a ira dos outros clãs que vêem no relacionamento uma ameaça aos vampiros. Misto de O Poderoso Chefão com Dracula, a série foi cancelada após a morte de Frankel, ao final da primeira temporada. Pena.

 
2. David (Kiefer Sutherland), em The Lost Boys. Filme dirigido por Joel Schumacher, divertido e aterrorizante ao mesmo tempo. Kiefer é o líder de uma gang de vampiros que habita Santa Carla, onde vão parar dois irmãos e sua mãe recém separada. Trilha sonora é um MUST!

3. Vlad Teppes (Gary Oldman) em Drácula, de Bram Stoker. A clássica história do conde Vlad Teppes, que se apaixona pela jovem Mina, em Londres. Sexy e sombrio.

gerard_butler_03-14. Dracula (Dracula 2000). Bom, é o Gerard Butler, né? O filme não é lá essas coisas, mas vamos combinar que o Gerald Butler É.
5. Angel (David Boreanaz) em Buffy e Angel. O vampiro com alma, do bem, que se junta a Buffy para exterminar o mal de Sunnydale, e depois vai para Los Angeles montar sua agência de detetives.

6. Lestat de Lioncourt (Tom Cruise e Stuart Townsend) em Entrevista com o Vampiro e Rainha dos Condenados, respectivamente.  O maior e mais famoso personagem da saga vampiresca de Anne Rice. Vingativo, inconsequente, astro de rock, lindo. Precisa mais? 
7. Edward Cullen (Robert Pattison), na saga Twilight. Como dar vida ao “garoto mais lindo do mundo?” Ele é cavaleiro, lindo (óbvio), e misterioso. Ele é um dos personagens principais da viciante série de livros Twilight de Stephenie Meyer, de onde vem uma boa parte dos nossos queridos vampiros. Ao contrário do que se espera de um vampiro ele não “come” humanos, nos livros a sua família desenvolveu uma consciência ética e compaixão pelos humanos e não se alimentam deles mais, e sim de animais.

alexander-skarsgard-as-eric-northman-in-character-art-for-hbos-true-blood-season-28. ERIC, ahhh, Eric Northman (Alexander Skarsgård), Eric é um vampiro da série de livros Southern Vampire Mysteries, que inspirou a série de TV True Blood. Ele é o xerife da area 5, e é um vampiro muito velho (cerca de mil anos) e poderoso. Nos livros ele é bem engraçado e esperto. Ele usa todos ao seu redor para negócios e sempre está atrás de mais oportunidades de conseguir o que quer. O que é um problema para Bill, já que ele quer a Sookie (namorada do Vampire Bill nos primeiros livros).

9.Valec (Thomas Ian Griffith), em Vampiros, de John Carpenter. Ele é refinado, brutal, decadente, narcisista e se veste muuito bem. Consegue equilibrar muito bem o “uau, é muito bom ser vampiro” com “ooooh, é tão deprimente ser um vampiro”… 100% de uma criatura faminta por sangue e poder. Simples assim…

10Selene (Underworld and Underworld:Evolution). Kate Beckinsale como uma vampira caçadora de lobisomens dá um novo conceito às mulheres vampiras no cinema. Quem foi o marmanjo que disse que vampiros não são sexies?

Este post havia sido perdido quando meu servidor apagou quase tudo de meu blog, mas resolvi resgatar de meus rascunhos, dar uma repaginada, para então colocar aqui, aproveitando que a Summit Entertainment acaba de divulgar o poster oficial para “New Moon”, a tão esperada continuação de “Twilight”

new-moon-poster2-692x1024

Eu adorei! Acho que traduz direitinho a idéia do filme, que é Jacob tomando conta de Bella na suposta ausência de Edward.

😉

Naomi, that’s for ya, dear!

Estou desolada…

Edward and Bella

Edward and Bella

Calma! CALMA!!! Amore está bem, graças a Deus!

Estou falando de Edward Cullen.

Terminei de ler “Breaking Danw’ e agora não sei mais o que fazer… Péssimo, né? Quem leu a saga de Harry Potter, ou, mais pratrasmente, As Brumas de Avalon conheçe bem a sensação de terminar uma série de livros que prendeu a sua atenção por um bom tempo… rs

O que posso falar sobre o livro? Adorei, lógico! Fiquei um pouco decepcionada com os últimos capítulos de Breaking Danw, rolou um embromation, mas nos dois últimos capítulos, a escritora compensou por tudo.

Falta muito para novembro, quando “New Moon” deve estrear nos cinemas?

A Naomi me passou os livros que inspiraram a série “True Blood“, que já estão na fila para serem devorados, mas, antes, vou dar uma atualizada na sessão de piscologia infantil, just in case!

*          *          *

selinhoRecebi mais um selinho da Amábile (obrigadíssima), e vamos lá rsss As tarefas são:

– listar 7 coisas que te fazem sorrir;
– Indicar o selo a 7 blogs que fazem você sorrir (Impossível, todos me fazem sorrir).

7 Coisas que me fazem sorrir

1. Cecília
2. Meu marido
3. Receber um e-mail de qualquer amigo querido
4. Conseguir cumprir uma receita nova
5. Ver crianças brincando
6. Ver bichos brincando
7. Estar com a minha família.

E você, o que te faz sorrir?

Amigos, vampiros e Calvin!

Então, né?

Sisqueci de dizer que reli toda a saga de Crepúsculo, no original (valeu, Dani!), e agora me joguei no Breaking Dawn, que ainda não tem prazo para ser lançado no Brasil.

Estou ainda nos primeiros capítulos, confesso que lendo com calma para não acabar logo, e não consigo parar, mesmo com as loucuras que acontecem no livro, dá vontade de varar a noite lendo rs

Engraçado que, agora que estou no quarto volume da saga, não dá mais para aprovar completamente a escolha do Robert Pattinson para interpretar o Edward. Sei lá, mas ele não chega aos pés da imagem mental que faço do sexy vampiro (redundante, né?) após 3 livros… Ok, é absolutamente subjetiva a idéia do ‘homem mais bonito do mundo’, são vários atores lindos e que poderiam cair melhor no papel, mas realmente é complicado. Só sei que ele está a quilômetros de distância da minha imaginação. Sorry, Rob.

Ah, sim, a autora Stephenie Meyer está com um rascunho da história contada em Twilight, do ponto de vista de Edward, Midnight Sun (Sol da Meia-noite). Uma versão está disponível no site da autora, mas eu me recuso a ler até que tenha o material final, completinho, em mãos…

*     *     *

ch090212

*     *     *

Começei o ano absurda e absolutamente relapsa… é um tal de esquecer endereços, telefones, aniversários, responder e-mails… ô disgaça!

*     *     *

Ontem a Ciça ganhou sua primeira fantasia de Carnaval, da Pecêsa Ásmin (Jasmin, de, dãããã Aladdin).

Lógico que ela a colocou assim que ganhou e demorou horrores para tirar, mesmo depois de trocentos argumentos, contra-argumentos e negociações.

Lógico que ela já acordou perguntando pela fantasia.

Ai, ai…..